TurfeOnline.com

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Banner
Banner
Banner
Banner


Home Artigos
Artigos

MIDDLE FAST ATROPELA FORTE PARA BRILHAR NO GRANDE PRÊMIO COSTA FERRAZ 2017 (G.III)

Neta de Vettori deu a Victoria Mota o primeiro troféu nobre de sua carreira

Em belíssima arrancada, a valente égua Middle Fast (Fêmea, Castanho, 4 anos, do Rio Grande do Sul – Crimson Tide e Pour Rafaela por Vettori), criada no HARAS BAGÉ DO SUL pela Coudelaria Jéssica e pertencente ao Sr.Francisco de Paula Elias Filho, surpreendeu suas nove adversárias no quilômetro gramado, em pista macia, do Grande Prêmio Costa Ferraz 2017 (Grupo III – R$ 30.000,00 + valor “ADDED”, de R$ 12.121,22, ao dono da vencedora) – para fêmeas de 3 anos e mais idade –, um dos destaques do Domingo, 15 de Outubro, no Hipódromo da Gávea.

Perfeitamente comandado pela joqueta-sensação Victoria Mota – que, recém-promovida à primeira categoria de aprendiz, fazia sua estréia em clássicos – a filha de Crimson Tide “voou baixo” nos últimos 100 metros para chegar ao êxito, livrando meio corpo de vantagem sobre a também atropeladora Sunset Shimmer (4.Drosselmeyer), que teve de se contentar com o vice-campeonato. A terceira posição pertenceu a Kremlin (4.Roderic O´Connor). Próxima, Marilyn (5.Pavillon) chegou em quarto, deixando Desejada Poty (4.Desejado Thunder) no complemento do marcador. A seguir, chegaram: Richiesta, Tanoney, Fast Music, D’Enny Star e Equivalenza.

Perfeitamente preparada pela qualificada Cristina Resende, a campeã, Middle Fast, que assim como Victoria Mota, também brilhou na esfera nobre pela primeira vez –, marcou o tempo de 57s67s.

FOTO: Sylvio Rondinelli – Jockey Club Brasileiro

Conquista de MIDDLE FAST teve o toque

feminino de Victoria Mota e Cristina Resende

 

Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner

Apoio

Banner

Banner
Banner